Tratamentos

A Castro Valle Odontologia é reconhecida por sua odontologia integrativa que, diferente da odontologia tradicional, busca não apenas a resolução estética da queixa do paciente, mas sim um tratamento que olha para aquela pessoa como um todo, promovendo uma transformação de vida que vai além da saúde bucal.

Conheça abaixo os nossos tratamentos:

Implantes Dentários

Implantes dentários são pinos de titânio, biocompatíveis com o corpo humano, que substituem a raiz do dente. Eles são inseridos por meio de uma cirurgia para ocupar o lugar de dentes que foram perdidos.

Leia mais

Em cima destes pinos são fixadas as próteses (coroas) que se assemelham aos dentes naturais tanto visualmente, quanto em força de mastigação. Este procedimento revolucionário é indicado para todas as pessoas que perderam um ou mais dentes.

Existem implantes de vários tipos e tamanhos: os unitários que substituem apenas um dente, os múltiplos que preenchem o espaço de três ou mais dentes, e as próteses protocolo. Neste último exemplo a pessoa que não tem nenhum dente na boca recebe de 4 a 8 implantes e sobre eles é parafusada uma prótese única.

Os implantes dentários são práticos, pois ficam fixos na boca, ao contrário de soluções como pontes e dentaduras. Por meio deles, o paciente também recupera as funções mastigatórias e de deglutição, antes prejudicadas pela ausência de dentes. Acima de tudo, os implantes aumentam a autoestima e garantem o retorno do sorriso, sem medo ou desconforto. É uma verdadeira transformação de vida.

Na Castro Valle Odontologia você conta ainda com a cirurgia guiada, uma técnica menos invasiva, sem cortes de bisturi. Para isto é feito um planejamento virtual e um guia cirúrgico que orientam o dentista durante o procedimento. Neste caso, são feitos pequenos furos na gengiva para inserir os pinos de titânio, o que reduz o desconforto pós-operatório e garante uma recuperação rápida e confortável.

O acompanhamento odontológico para implantes dura entre seis meses e um ano, podendo variar conforme o caso. Dessa forma, é essencial que o paciente siga as orientações do dentista quanto ao pós-operatório. Entre as recomendações estão repouso nos primeiros dias após a cirurgia, evitando esforços físicos; aplicação de gelo na região da mandíbula, com os cuidados necessários para não queimar a pele; higienização da boca de maneira suave; evitar alimentos quentes, duros ou ácidos e seguir a correta medicação prescrita pelo dentista.

O retorno após a cirurgia de inserção dos pinos e próteses é essencial para o sucesso do tratamento, assim como limpezas regulares e manutenção correta, realizada apenas pelo dentista. Vale ressaltar que o organismo não rejeita os implantes, uma vez que eles são feitos de material biocompatível. O que pode acontecer é a perda do material do implante, seja pela pouca quantidade de estrutura óssea para fixação, ou por riscos derivados de doenças sistêmicas, como diabetes e hipertensão, que podem gerar uma não adequação do implante ao osso.

Ainda sim, com o avanço da odontologia, este procedimento está cada vez mais seguro e é indicado como um dos principais tratamentos reabilitadores, visto que melhora o desempenho funcional e recupera a autoestima do paciente.

Lentes de Contato

Lente de contato é o nome popular dos laminados cerâmicos ou facetas dentárias confeccionados com materiais muito finos e aplicados sobre toda a superfície dos dentes.

Leia mais

O objetivo deste tratamento é corrigir pequenas imperfeições, como manchas dentárias, dentes escurecidos, espaço e desalinhamento entre os dentes ou mesmo desgastes e fraturas. As lentes podem ser feitas tanto em resina quanto em cerâmica, variando de espessura. Vamos conhecer a diferença entre as duas?

As lentes feitas de resina composta são feitas no consultório e esculpidas na hora pelo próprio dentista. Elas requerem um acompanhamento mais de perto, uma vez que a resina perde partículas nanométricas da superfície naturalmente em atividades rotineiras como escovação e alimentação. Como consequência, a superfície da lente fica microscópicamente rugosa e sofre alterações de cor e brilho. Para evitar esse processo, o paciente deve ir a cada 6 meses no consultório para realizar o polimento superficial das lentes. Também é importante uma boa higiene bucal, visto que alimentos aderidos à superfície da resina aumentam a chance de degradação e consequente pigmentação.

Já as lentes de contato feitas de cerâmica são produzidas em um laboratório de prótese dentária e instaladas pelo dentista. Devido ao seu material, elas não sofrem alteração de cor com o passar do tempo, mas demandam uma higienização cuidadosa, assim como as lentes de resina. O acompanhamento odontológico também deve ser frequente para garantir que não haja pontos de infiltração, ou seja, espaços entre a superfície dentária e a lente por onde entram microorganismos e restos de alimento. Tal infiltração pode gerar cáries e pigmentação nos dentes sob a lente, logo limpezas periódicas são recomendadas para evitar o acúmulo de resíduos alimentares.

Outra dúvida frequente diz respeito ao desgaste dos dentes para a aplicação das lentes de contato. Geralmente, o desgaste mínimo é necessário para a aplicação das facetas de cerâmica, mais recomendadas para pacientes que já possuam restaurações, dentes escurecidos ou canais. Para os casos de lentes de resina, pacientes que tenham espaço entre os dentes ou mesmo dentes curtos, nem sempre o desgaste é necessário. Ainda sim, a avaliação definitiva é realizada pelo dentista apenas no momento da avaliação.

As lentes de contato ganharam popularidade por oferecer um sorriso mais harmônico e sem imperfeições. O resultado, além de uma maior autoestima, são dentes no formato, cor e proporções adequadas esteticamente.

Ortodontia Infantil

A ortodontia de especialização geral é dividida em duas partes: ortopedia e ortodontia, ambas de extrema importância durante o desenvolvimento infantil.

Leia mais

Tudo começa com a ortopedia que, quando aplicada em crianças de 5 a 12 anos, é capaz de corrigir e induzir o formato, crescimento e desenvolvimento ósseo. Tal acompanhamento é recomendado para crianças que tenham discrepâncias ósseas, palato (céu da boca) côncavo ou alto demais, mordida cruzada, mordida aberta e outras condições. Nesta idade, é possível expandir o palato da criança, induzir o crescimento ântero-posterior da mandíbula ou mesmo reposicioná-la.

A partir dos 11 ou 12 anos as bases ósseas da criança já estão formadas e é indicado o tratamento ortodôntico, seja por meio de um aparelho fixo ou mesmo do invisalign. A ortodontia visa o alinhamento e posicionamento correto dos dentes através de sua movimentação.

A duração de cada tratamento depende da complexidade do caso e só pode ser definida após uma consulta de avaliação. Entretanto, é importante realizar o acompanhamento infantil desde cedo, uma vez que a ortopedia é capaz de tratar, minimizar e até mesmo prevenir condições mais complexas que, se cuidadas apenas na fase adulta, podem gerar sequelas ou exigir cirurgias para serem solucionadas.

Quando os tratamentos ortopédico e ortodôntico são realizados na fase de desenvolvimento, as crianças se tornam adultos com postura alinhada, fisionomia do rosto melhor e menos problemas de respiração. A intervenção nesse período da vida é de extrema importância, evita problemas futuros e garante um sorriso confiante.

Alinhadores Estéticos

O alinhador estético é um tipo inovador de aparelho ortodôntico que, quando aplicado, é quase imperceptível.

Leia mais

A marca mais conhecida é a Invisalign que conta com uma ampla base de dados e muitos casos já finalizados, além de uma tecnologia de ponta.

Diferente dos aparelhos ortodônticos convencionais, com os alinhadores estéticos o dentista realiza um planejamento prévio e inicia o tratamento já sabendo como vai ser cada passo, assim como o resultado final, o que garante maior previsibilidade e um sorriso perfeito.

Tudo começa com um escaneamento da boca e dos dentes do paciente. A partir dessas imagens é gerado um modelo tridimensional que servirá de base para a movimentação e alinhamento dos dentes. Após concluído e aprovado o planejamento, os alinhadores são confeccionados.

Em média, o paciente utiliza 30 pares de alinhadores ao longo do tratamento, que são trocados conforme cada caso, geralmente com uma frequência semanal. À cada visita ao consultório, o dentista acompanha o andamento e entrega ao paciente os pares que deverão ser trocados entre uma consulta e outra. Por vezes, os alinhadores estéticos são utilizados em parceria com outras mecânicas, como elásticos intermaxilares e mini implantes para ancoragem esquelética.

Os alinhadores podem ser aplicados em todos os públicos, desde crianças em fase de trocas dentárias até idosos, tanto para a correção de casos simples quanto para os mais complexos. Vale ressaltar que para o público infantil, ele é recomendado apenas em tratamentos ortodônticos. É possível conhecer a diferença entre ortodontia e ortopedia infantil aqui.

O tempo de utilização depende conforme a complexidade de cada caso, mas em média o tratamento demora 50% a menos do que o de um aparelho convencional. Além da rapidez, os alinhadores estéticos são mais confortáveis, uma vez que são personalizados para a boca de cada paciente, possuem uma higienização facilitada, pois podem ser removidos durante as refeições, e não exigem restrições alimentares.

Sorriso Gengival

O Sorriso Gengival acontece quando uma parte da gengiva aparece quando você sorri, seja porque a faixa de gengiva está grande ou os dentes estão pequenos.

Leia mais

Muitas pessoas se incomodam com essa questão. Nestes casos, a solução é aumentar a proporção dos dentes que ficam à mostra.

Existem dois tipos de tratamento para isso, ambos rápidos e práticos. O primeiro deles é a gengivectomia, que retira a parte da gengiva que aparece no sorriso. Também é possível realizar uma cirurgia de aumento de coroa estético onde, além de extrair parte da gengiva, o dentista também harmoniza o osso da gengiva. Em consequência, o lábio sofre menos pressão durante o sorriso e mostra apenas a faixa de dentes. É importante ressaltar que a melhor prática a ser seguida é definida somente após uma avaliação do dentista e pode variar conforme cada caso.

O resultado pode ser visto em poucos minutos e a transformação no sorriso é completa. Após este procedimento você poderá sorrir sem medo, aumentando assim sua qualidade de vida.

Laserterapia

A laserterapia é uma grande aliada dos procedimentos odontológicos. Esta tecnologia utiliza um laser de baixa potência para acelerar tratamentos e dar mais conforto aos pacientes.

Leia mais

Entre suas diversas funções está o protocolo associativo no controle da dor e da hipersensibilidade dos dentes, muito comum em casos de clareamento ou logo após cirurgias. Também é recomendado para cicatrização em casos de herpes e aftas, bioestimulação de tecidos e diminuição de processos inflamatórios. Com este laser ainda é possível realizar a prevenção e cuidado da mucosite oral, condição relevante em pacientes oncológicos.

Clareamento

O clareamento dental é um tratamento estético que deixa o sorriso mais branco. Para isso, são utilizados géis clareadores em concentrações individualizadas para cada pessoa.

Leia mais

Após aplicado, este produto age na superfície dentária e quebra as moléculas pigmentantes, que deixam os dentes mais escuros. Neste processo, os dentes tornam-se mais brancos.

Na Castro Valle Odontologia existem três técnicas para realização do procedimento. A primeira delas é o Clareamento à Laser ou de Consultório. Nele, o dentista aplica o gel clareador de concentração elevada sobre os dentes e, em seguida, faz uma sessão de laserterapia. Nessa modalidade o resultado é mais rápido. Em média são necessárias 3 sessões, que duram entre 45 minutos e 1 hora cada e devem ocorrer com um espaçamento de pelo menos uma semana.

A segunda técnica é a de Clareamento Caseiro ou Domiciliar. Aqui, o paciente recebe um molde personalizado e o gel clareador de menor concentração para usar diariamente sobre os dentes. Apesar desta técnica ser mais lenta, é possível alcançar o mesmo estágio do Clareamento de Consultório. Vale ressaltar que todo o processo deve ser acompanhado por um dentista, que passará as corretas instruções de utilização dos produtos.

A terceira técnica, uma combinação das duas anteriores, é denominada Clareamento Conjugado. Ela consiste em uma sessão de clareamento no consultório e o restante do tratamento realizado em casa, seguindo as orientações repassadas pelo dentista. É importante ressaltar que a escolha da técnica mais indicada, o tempo de tratamento e quantidade de produto utilizada varia conforme cada caso.

O clareamento dental é indicado a todos que desejam um sorriso mais branco e brilhante. A técnica é segura, não invasiva e bastante eficaz, sem trazer nenhum prejuízo à estrutura dentária. Ao final, é possível alcançar um ganho estético e até mesmo o rejuvenescimento do sorriso.

Harmonização Orofacial

Existem diversos procedimentos de harmonização orofacial que visam um melhor resultado estético para o paciente. Na Castro Valle Odontologia realizamos as seguintes técnicas:

Leia mais
Aplicação de Botox (estética e funcional)
 
O Botox, ou toxina botulínica, é uma proteína produzida em laboratório a partir da bactéria Clostridium. Ela age como um bloqueador de neurotransmissores que enviam os sinais elétricos diretamente do cérebro para os músculos, fazendo com que estes não recebam os estímulos necessários e permaneçam imobilizados, sem condições de contração ou movimentação com sua força total. Após as aplicações, a toxina botulínica modula a ação muscular, seja para fins estéticos ou funcionais. 
 
O procedimento dura de 4 a 6 meses e é destinado aos pacientes que desejam suavizar rugas (na testa, olhos, glabela, nariz, etc), diminuir volume dos músculos de mastigação , melhorar o sorriso gengival por hipermobilidade muscular e amenizar o sorriso invertido (canto da boca caído). Também é recomendado como tratamento complementar nos casos de bruxismo e para alívio de dor para pacientes com Disfunção da Articulação Temporomandibular (DTM)
 
Fios de Tração de PDO
 
PDO é abreviação de polidioxanona, um polímero absorvível que pode ser modificado com laser para produzir espículas unidirecionais e bidirecionais. Os fios construídos com o PDO, quando inseridos na face, além de tensão mecânica, estimulam o tecido conjuntivo e ali permanecem o tempo necessário para que ocorra a formação de colágeno e elastina, melhorando a distensão e a elasticidade da pele. Por consequência, isso diminui a flacidez e as rugas, além de reposicionar as estruturas faciais.  
 
Os Fios de Tração são inseridos por baixo da pele, através de cânulas específicas e, devido às espículas, suspendem os tecidos faciais, algo difícil de ser alcançado com técnicas não invasivas. Os benefícios deste procedimento de lifting incluem cicatrizes mínimas, rápida recuperação e resultados satisfatórios. 
 
Contudo, vale ressaltar que a técnica não impede o reaparecimento de rugas com o passar do tempo, pois o processo de envelhecimento é contínuo e não cessa após a inserção dos fios. Para resultados ainda melhores, o tratamento pode ser combinado com outras técnicas como  preenchimento com ácido hialurônico, botox e bioestimuladores de colágeno. 
 
Este lifting é temporário, uma vez que os fios de PDO são absorvidos lentamente pelo organismo. A técnica é recomendada a pacientes que desejam prevenir ou tratar  a flacidez da face e do pescoço, ou que buscam uma reestruturação volumétrica destas áreas. O tratamento dura de 8 a 18 meses e o resultado pode ser observado já a partir das primeiras sessões. 
 
Protocoll
 
Esta técnica engloba a associação de terapias efetivas para reestruturar a pele, clarear manchas e melhorar a pigmentação de olheiras e rugas finas, principalmente na região abaixo dos olhos onde a aplicação de Botox não é efetiva. 
 
A utilização de Protocoll consiste na indução percutânea de colágeno, infusão de ativos intradérmicos e aplicação de ácidos em uma só sessão, com retornos anuais para manutenção. Neste caso, não há a necessidade do paciente realizar cuidados específicos em casa, além das rotinas recomendadas para o cuidado com a pele. 
 
O procedimento é sugerido a todos que desejam uma melhora global da pele, ou que queiram suavizar manchas, rugas e flacidez facial.
 
Bichectomia
 
A Bichectomia é um procedimento cirúrgico no qual são removidas as bolas de gordura das bochechas, conhecidas como bolas de Bichat. Este tratamento é realizado em um consultório odontológico de forma bastante prática. Em cerca de 40 minutos é feita a retirada e o paciente é liberado com orientações para um pós-cirúrgico positivo. 
 
Esta cirurgia é minimamente invasiva e não deixa cicatrizes aparentes por ser realizada por dentro da boca. A Bichectomia possui vantagens importantes pois, além de renovar a autoestima ao afinar sutilmente o rosto, promove uma mudança estética no paciente. Além disso, existem benefícios funcionais uma vez que a cirurgia aumenta o espaço bucal, reduz a parte da bochecha que fica em contato com os dentes posteriores e alivia o desconforto de pacientes que costumam morder e machucar as bochechas constantemente
 
Sculptra
 
O Sculptra é uma substância sintética, biocompatível com o organismo humano, que estimula a produção natural de colágeno. Sua aplicação traz de volta a firmeza e a sustentação da pele, perdidas ao longo do tempo. Este procedimento promove uma aparência mais jovem, suaviza rugas, linhas de expressão e melhora contornos da face, além de garantir o efeito lifting.
 
O tratamento requer de 2 a 3 sessões e os resultados podem ser vistos a partir de 3 meses após as aplicações, podendo durar por até 3 anos.